de Stefan Duncan Gallery

31.10.06

caminhos brancos

Hubert Steed


vim espalhar flores sobre os caminhos, brancos dos passos dos amigos a meu lado.


Mário Vieira

um mês mais de silêncios que de prantos o que entra amanhã. nenhuma campa visito há muito tempo. rituais só dentro a mim cumpro ao lembrá-los.

escolheram o mês em que eu nasci para partir. estranha homenagem. forma de os não esquecer? não precisavam. aqui estou a lembrar-vos como estaria se tivessem escolhido um pleno agosto.

são vocês o meu círculo de pedras, que tacteio com carinho e perícia nas experimentadas mãos. sentem daí?

de caminho vos digo: não há mortos! há apenas ausências físicas. nenhuma outra palavra cabe no meu sentir. tão cá dentro vos tenho, amores do meu percurso, amantes de viagem.

sento-me na areia e um por um digo alto os nomes deles. respondem à chamada.

acendo o nada ecológico cigarro que todos saberiam recordar. estou pronta para seguir. sem nada para esquecer e muito a recordar.


Comments:
weg

"ausências físicas"...que doem, muito.tenho aprendido a viver com a saudade e não com a tristeza delas. será esse o caminho certo, para suportá-la, amiga?

gostei muito.conforta-me.

com carinho,
della
 
não tenho saudades de ninguém que fisicamente não está porque estão comigo. círculo de pedras? eu sinto.

e já foram vários, entre família chegada e amigos. apesar da minha nova idade. agora cada vez vão mais cedo.

hoje é o dia em que os mundos estão mais perto e mais fácil é senti-los. assim reza a tradição também cá. lêem-se oráculos e depois, seguem-se caminhos.

boa noite para ti e um beijo
 
faltava eu

para sentir em cada pedra ,deixada ao longo do caminho ,o esconderijo das emoções vividas

regresso quando me apetece partilhar o silêncio e ,então, solto uma enorme gargalhada

livre ... para o reencontro final ... em mim

um beijo Quemadre!
 
Weguinha!
não apanhes as flores ,tá bem?
é que a maluca da Caturra anda a arrecadar tudo o que é flor para o meu funeral ... nã vás na cantilena dela

bêjes quemadrinha .olhe ,mecêa sabe quem é que conheci da 'nha tenda? o cumpadre "caminhe" ali de Serpa .agente até tem um livre a mêas ,veja lá mecêa .raça qu'o raie do munde é bem pequenine!

atão ,vá ,nã dê as flores à outra e bêjes p'ra mecêa

eu hoje só escreve asnêras .tou marafada porque estes amigues nã me dêxem publicare

pôs agora vou.me même...adéus quemadre!
 
OLá Quemadre e outros amigos que passarem ou passaram por aqui.

Desculpem a ausência nos vossos blogs. Para a semana estou de férias e vou vingar-me a visitar tudo o q é blog que me interesse. É uma ameaça! ;)

Beijos a todos e resto de boa semana. :)
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Divulgue o seu blog!

Estou no Blog.com.pt

blogwise

Creative Commons License
Esta obra está¡ licenciada sob uma Licença Creative Commons.